"Não há amor sem dor"
Padre Dehon

Formação litúrgica - Missa Parte 5 - Salmos

Quinta-feira, 22 de Março de 2012 - 05h02

O que canta empresta a sua voz (como um profeta) só que ao som da cítara, dos instrumentos de corda e redundantes.

    Vamos ver a instrução que a Igreja nos dá: IGMR (Instrução Geral do Missal Romano), em seu número 57 lemos o seguinte: não é lícito substituir as leituras e o salmo responsorial, que contêm a palavra de Deus, por outros textos não bíblicos.

    (no número 61 do IGMR, nos diz): A primeira leitura é seguida do salmo responsorial, que é parte integrante da liturgia da palavra e tem, por si mesmo, grande importância litúrgica e pastoral, pois favorece a meditação da Palavra de Deus. O salmo responsorial corresponde a cada leitura e habitualmente toma-se do Lecionário.

    (IGMR, em seu número 102): Compete ao salmista proferir o salmo ou o cântico bíblico que vem entre as  leituras. Para desempenhar bem a sua função, é necessário que o salmista seja competente na arte de salmodiar e dotado de pronúncia correta e dicção perfeita.


    Competente na ARTE DE SALMODIAR. Então vemos aqui que salmodiar chega a ser uma arte. Por isso devemos fazê-la com todo carinho habilidade e competência.

    Na Bíblia em I Crônicas 25, vemos que Davi encarregou pessoas para o canto no templo e estes eram exercitados em cantar ao Senhor e todos hábeis em sua arte.

    Então, para sermos competentes, precisamos dominar conhecimentos. Mas também devemos saber mobilizá-los e aplicá-los de modo pertinente à situação. Resumindo: Treino, treino, muito treino...

    Um erro comum que vemos nas comunidades são pessoas que: ou têm dificuldade de leitura e não são dotadas de pronúncia correta ou ainda: não têm dicção perfeita.

    O que significa isso? Que é preciso pronunciar com clareza, de modo que todos possam entender bem o que é dito. Isso é importantíssimo, pois o que canta empresta a sua voz (como um profeta) só que ao som da cítara, dos instrumentos de corda e redundantes. Percebe para o que fostes chamados?

Ana Maria - Coordenação liturgia e canto

  • Relacionadas

  • A violência juvenil

    Quarta-feira, 23 de Setembro de 2015 - 07h50

    Maus exemplos não faltam aos jovens brasileiros até nos mais altos postos da sociedade.

  • Festa de Nossa Senhora da Carmo

    Segunda-feira, 21 de Setembro de 2015 - 07h44

    Irmã Sonia: 25 anos de vida consagrada

  • Editorial - Setembro de 2015

    Domingo, 20 de Setembro de 2015 - 14h55

    Agradecemos muito a participação e o empenho de todos os Paroquianos Voluntários e aos Amigos da Candelária.

  • Só por hoje não!

    Domingo, 20 de Setembro de 2015 - 14h43

    O AA tem dois objetivos principais: manter a própria sobriedade e ajudar outras pessoas que tenham problemas com o alcoolismo.

  • Legião de Maria: Um exército em ordem de batalha

    Terça-feira, 23 de Junho de 2015 - 07h34

    “Dos muitos movimentos de nossa Paróquia, a Legião de Maria é um dos mais antigos. Centrado na oração e na visita às famílias contam com a intercessão de Nossa Senhora para chegar até a casa e ao coração de todos. Conheça o trabalho da Legião e sinta-se convidado para integrá-lo como um novo membro.”

Álbum de fotos

apoio
D
Copyright© candelaria.org.br. Todos os direitos reservados / All rights reserved.