"Não há amor sem dor"
Padre Dehon

HOME > GRUPO

Apostolado da Oração

O Apostolado da Oração foi a semente que lançada em terra fértil fez brotar nossa comunidade.

Um lírio de Santo Antonio... Uma vela benta .... Um talão de rifa.... Uma passagem de ônibus para uma romaria.... Um carnezinho para a compra do terreno de uma capela... O sabor de um gostoso pedaço de bolo... Um prédio para centro de assistência .... Um sorriso gentil em cabeças orvalhadas de prata ou branquinhas como o algodão... Uma fita vermelha.... Uma bandeira... Um carisma.... Uma Paróquia...

Como se abrisse um baú imaginário onde guardasse lembranças de um passado de 75 anos, enquanto uma música tocando baixinho não sai da cabeça: “Coração Santo, tu reinarás...”

O Apostolado da Oração foi a semente que lançada em terra fértil fez brotar nossa comunidade. E lhe deu um Coração: o Coração de Jesus, para amar a Sua (e nossa) Mãe Santíssima, a Senhora da Candelária.
Nada poderia ser mais perfeito: uma paróquia mariana com o carisma do amor que brota do Coração traspassado do Salvador.

Dois de fevereiro de 1933...


Um bairro loteado há pouco mais de uma década. As casas subindo, os primeiros estabelecimentos comerciais, as linhas de transporte. Levas de imigrantes e migrantes se instalando na sua nova terra.

Um dos primeiros pensamentos desse bom povo foi erguer uma pequena capela, em honra de Nossa Senhora dos Navegantes, no início da década de 20.

Nessa época, para se assistir Missa os locais mais próximos eram Santana, a Penha e o Pari. Com pouco transporte público.

Mas o nosso bom povo queria exercitar sua piedade e seu amor a Deus, realizar a missão e praticar a caridade de forma regular.

Foi quando a comunidade, com Adelaide Marques à frente, recebeu a visita de um pregador da Congregação dos Sacerdotes do Coração de Jesus (Dehonianos), que tinham seu convento em Taubaté: Padre Fernando Baunhoff, scj. Ele sugeriu que se formasse uma Associação do Coração de Jesus, o início do Apostolado da Oração em Vila Maria.

Foi o fermento evangélico. No mês de dezembro seguinte a massa havia se tornado uma paróquia: Nossa Senhora da Candelária de Vila Maria.
Relacionadas

Álbum de fotos

apoio
Dinus Flores
Copyright© candelaria.org.br. Todos os direitos reservados / All rights reserved.